Clube Brasileiro de Trens Fantasmas: Setembro 2013

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Criatura misteriosa aparece na Venezuela



Uma criatura que teria sido encontrada em San Antonio de los Altos, na Venezuela, provocou medo entre os moradores.

Ramón Morales disse, em entrevista ao site "Canal de Notícia", que encontrou a criatura no bairro Los Castores no dia 8 de setembro. Ele postou a foto em seu Facebook e logo a imagem se tornou viral no país.

Alguns chegaram a dizer que se tratava do mítico "chupacabra", criatura que atacaria outros animais em áreas rurais em várias partes das Américas. Outros, no entanto, acreditam que a criatura misteriosa seria um ser extraterrestre.

Imagens do animal foram postadas em um vídeo no site LiveLeak na Sexta Feira (13 de setembro), confira:

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Buffy- A Caça Vampiros


A primeira impressão que se tem ao ver Buffy – A Caça-Vampiros é a de que você está vendo mais um produto sobre vampiros, que pode deturpar a origem clássica destes. Mas logo vemos que é uma grande série, cheia de diálogos e referências ao mundo nerd e à cultura pop. Criada por Joss Whedon (isso mesmo, o diretor de Os Vingadores), a série foi criada em 1997 e veio de um filme fracassado com péssimos atores.

Segundo o próprio Whedon, seu filme foi deturpado, pois o roteiro era bem diferente daquele que chegou aos cinemas. Já a série, que foi eleita a segunda melhor de todos os tempos pela revista inglesa Empire, é uma grande obra, bem diferente do péssimo longa. O programa possui atores como Sarah Michelle Gellar (Pânico 2, Scooby Doo 1 e 2), David Boreanaz (das séries Angel e Bones) e James Marsters (Smallville).


Veja um resumo do que foi a série, dividido pelas temporadas:


Primeira Temporada – Buffy Summers (Gellar) chega a Sunnydale, com sua mãe, tentando esquecer de seus deveres como caçadora. Logo ela se depara com o seu observador, Rupert Giles (Anthony Stewart Head), alguém que possui o dever de treinar a caçadora. Não demora para ela fazer amizade com Xander Harris (Nicholas Brendon) e Willow Rosenberg (Alyson Hannigan), que acabam se tornando seus melhores amigos, além da chata Cordelia Chase (Charisma Carpenter). Buffy conta também com a ajuda do estranho Angel (Boreanaz) no combate ao grande vilão da temporada, conhecido como ”O Mestre”.


Segunda Temporada – Buffy retorna para Sunnydale, depois de um tempo fora, e começa um relacionamento com Angel. O vampiro Spike (Marsters) aparece na cidade à procura de sua louca amante, Drusilla (Juliet Landau). O grande vilão da temporada é o poderoso vampiro Angelus.


Terceira Temporada – Temos a volta de Angel à cidade, depois do que aconteceu na temporada anterior. O terceiro ano também é marcado pela chegada de Faith (Eliza Dushku), uma violenta caçadora, e o grande vilão da vez é o próprio prefeito da cidade, Richard Wilkins (interpretado por Harry Groener).


Quarta Temporada – As tramas desta temporada giram em torno de uma instalação militar secreta que está nos arredores da faculdade onde Buffy estuda. A heroína começa um relacionamento com Riley Finn (Marc Blucas). O grande vilão da temporada é Adão.


Quinta Temporada – Uma nova personagem aparece em Sunnydale: Dawn (Michelle Trachtenberg), irmã de Buffy. A grande vilã da temporada é Glória.


Sexta Temporada – Buffy está de volta e, dessa vez, terá que enfrentar o trio de geeks da antiga escola de Sunnydale. Por mais inusitado que pareça, os três se tornam gatilhos para a presença do verdadeiro vilão da temporada.


Sétima Temporada – Caleb (Nathan Fillon) aparece na cidade como um emissário do primeiro mal, que é o grande vilão da temporada. A série termina com um grande combate.


 

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Boneco do Fofão realmente escondia uma faca?


Ninguém conseguia resistir ao charme das bochechas avantajadas do (aparentemente) inocente alienígena vindo do planeta Fofolândia. Fofão, personagem vivido na telinha por Orival Pessini, fez tanto sucesso ao lado da turma do Balão Mágico, no início da década de 80, que ganhou seu próprio programa na Rede Bandeirantes em 1986. Não muito tempo depois, ganhou também um boneco feito à sua imagem e semelhança, que virou febre entre a criançada – pelo menos, até inspirar uma lenda urbana pra lá de macabra. Dizia-se por aí que o recheio do brinquedo não era tão fofinho assim: quem abrisse sua barriga encontraria dentro do boneco uma faca negra. Pacto com o diabo era a explicação mais popular – e até a semelhança entre Fofão e Chucky, o brinquedo assassino, foi apontada. Quem já estripou o boneco garante que a “coluna vertebral” do Fofão era mesmo feita com um objeto pontudo. Será?

Muitas pessoas alegam até hoje que essa lenda era real, confira alguns depoimentos feitos pelo Facebook:


Um pai resolveu reunir a família para ver se essa história é mito ou verdade, confira:

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Ruídos inovadores ajudaram a tornar "Os pássaros" um clássico do terror


Há 50 anos, Alfred Hitchcock chocava as plateias do mundo com um insólito cenário de horror: ataques de pássaros. Mas não só as imagens angustiantes de corvos e gaivotas avançando sobre pessoas aterrorizaram o público – também o desagradável e estridente trinado das aves se fixou na memória coletiva dos fãs do mestre.

O filme tem uma história envolvente, com toques surpreendentes. Depois de um breve encontro numa loja de animais, Melanie Daniels viaja para a costa californiana atrás do advogado Mitch Brenner, que quer passar o fim de semana em Bodega Bay. Lá, Melanie é atacada e ferida por uma gaivota. Os ataques de pássaros se tornam cada vez mais frequentes e violentos, gerando uma primeira vítima fatal – por fim, o bando de pássaros aterroriza toda a cidade. Muitos moradores tentam fugir, outros se refugiam em suas casas.

Hitchcock conseguiu transformar aves inofensivas em diabólicas bestas assassinas. Para a sonoplastia do filme, a equipe do diretor ofereceu a ele apenas sons de pássaros gravados no jardim vizinho. "Sons como esses eu ouço todos os dias lá fora. Eu preciso de algo que assuste as pessoas!", esbravejou o mestre do suspense. Hitchcock queria usar a trilha sonora para sublinhar o papel dos pássaros no filme.

Ruidos estilizados e terriveis silêncios pontuam a obra-prima do suspense


Novo instrumento

Quando Hitchcock conheceu Remi Gassmann (um ex-aluno do compositor alemão Paul Hindemith), ele disse ao diretor que conhecia a pessoa certa para o trabalho: um ex-colega de Berlim, o músico experimental Oskar Sala. Hitchcock não pensou duas vezes. Para chegar ao resultado desejado, Sala apostou num instrumento inusitado, o trautônio. Inventado por Friedrich Trautwein, esse instrumento eletrônico, semelhante a um órgão, é considerado o precursor do sintetizador analógico.

Hitchcock conhecia o instrumento. Ele o ouvira no final dos anos 1920, na emissora de rádio Berliner Rundfunk. Com o trautônio, Sala criou todos os efeitos sonoros do filme: o grito das aves, elas batendo nas portas e janelas, até o som das pessoas martelando, no desespero de reforçar suas casas. Tudo foi elaborado em 1961, no pequeno estúdio de Sala no bairro de Charlottenburg, em Berlim.

Trilha sonora inovadora

Com a sonorização de Os pássaros, Hitchcock foi – mais uma vez – inovador. Ele renunciou a uma trilha sonora convencional para acompanhar as imagens. O mestre estava interessado em sons experimentais e eletrônicos. Em sintonia com a época, o diretor britânico queria incorporar as experimentações vanguardistas da chamada Nova Música.

"Nos anos 1960, a música dos filmes de terror deixa de lado ritmos periódicos e harmonias tradicionais. Ela se torna atonal, estridente e com uma rica dissonância", explica o musicólogo Frank Hentschel, da Universidade de Colônia. A melodia passa a desempenhar um papel secundário, e os ruídos ganham espaço.
"Os Pássaros" é considerado um dos melhores filmes de terror da história da sétima arte


Ruídos estilizados

"O fato de esse filme privilegiar os ruídos em detrimento da trilha sonora torna Os pássaros um caso particular na obra de Hitchcock", observa o musicólogo. Para o bater de asas e os trinados dos ataques dos pássaros, Hitchcock utilizou uma mistura de sons naturais e artificiais do trautônio.

Sala distorcia e estilizava o som dos pássaros, fazendo-o soar estranho e não natural, ameaçador e até mesmo agressivo. Os corvos e gaivotas de Hitchcock deliberadamente deveriam soar diabólicos.


Terrível silêncio

Só a cena final é mais assustadora e aterrorizante do que o estridente e alto som dos ataques dos pássaros. Nela, os protagonistas que sobreviveram à fúria das aves saem de suas casas, que já não oferecem nenhuma proteção. Diante deles, revela-se uma cena apocalíptica: bandos de pássaros ocupam a área, mas só ocasionalmente o silêncio é quebrado pelo som de um corvo ou de uma gaivota.

No fim de sua história de suspense, Hitchcock utiliza um silêncio que não é natural. Sem música ou ruídos, ele coloca uma imagem sinistra em primeiro plano. Nada afasta o espectador dessa imagem apocalíptica. Também ele é deixado sozinho e aterrorizado.

Trailer


Fonte: DW

terça-feira, 24 de setembro de 2013

A lenda do Corpo Seco



Segundo a lenda o "Corpo-Seco" teria sido em vida um homem que brigava muito e espancava a própria mãe. Devido a incrível maldade que havia dentro dele, assim que morreu virou uma criatura maligna que costuma ficar camuflada nos troncos das árvores só a espera de alguma criança malcriada passe distraída perto dele. Dizem que apesar de sua maldade, o Corpo-Seco, que também é conhecido como Unhudo, teria se arrependido de ter maltratado a mãe e por essa razão ele pune todas as crianças que demonstrem teimosia ou que respondam para suas mães. Talvez tivesse vindo daí o ditado popular que diz: "Quem bate na mãe fica com a mão seca".

Existe também outra teoria sobre a origem do Corpo-Seco que diz que ele teria sido, em vida, um homem muito egoísta e mesquinho que cultivava uma variedade enorme de frutas e grãos em sua fazenda. Mas após uma época de estiagem em que diversas pessoas estavam passando fome, conta-se que o fazendeiro se negou a dividir seus estoques que havia guardado em grande quantidade. Os populares se revoltaram e em meio a briga o fazendeiro acabou morrendo vítima de um enfarto. Mas após sua morte ele não teria descansado, sua raiva só aumentou e acabou por se transformar em uma criatura/espírito cruel e vingativo. Diz a lenda que a a criatura que outrora foi um fazendeiro fica nas matas a espera de qualquer um que cruze seu caminho e jamais deixa que outras pessoas se aproximem de árvores frutíferas, ás quais ele considera serem sempre de seu antigo pomar.

Diz a lenda que se ninguém passar perto da entidade por muito tempo ela morre de fome e fica igual a uma árvore seca.


A lenda do Corpo-Seco está espalhada por todo o Brasil, principalmente nos estados do Amapá, Paraná, Amazonas e Minas Gerais. Existem ainda alguns países de língua portuguesa que também cultuam essa lenda.

No interior de São Paulo a criatura é conhecida como uma espécie de vampiro tupiniquim. Dizem que o cadáver fica camuflado em meio a mata a caça de pessoas desavisadas, quando o infeliz passa ao seu lado a entidade suga todo o seu sangue o transformando em um Corpo-Seco também. Mas se ninguém passar perto da entidade por muito tempo ela morre de fome e fica igual a uma árvore seca. Por essa razão que existem muitas árvores mortas com aspectos humanos.

Já em Ituiutaba, Minas Gerais, há uma outra variação da lenda. Dizem os populares que o corpo de uma mulher que havia sido enterrado no cemitério municipal não permanecia no fundo da cova mais do que algumas horas. Segundo os mesmos, a terra expulsava o corpo. Era como se a terra repelisse o corpo da mulher. Os bombeiros teriam sido chamados e na falta de uma explicação (e de uma solução) os bombeiros teriam levado o corpo da mulher para uma caverna que fica em uma serra ao sul do município e a teriam deixado lá para seu descanso eterno. Mas segundo os moradores que ousam andar pela estrada de terra que fica a margem da serra, dizem escutar lamentos e gritos de uma mulher vindos de dentro da caverna. A serra onde se encontra a caverna ficou conhecida como a "Serra do Corpo-Seco".


segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Atração do Black Sabbath faz sucesso no Halloween Horror Nights Hollywood


Já falamos aqui sobre a atração da banda Black Sabbath, a Haunted House "Black Sabbath 3D" teve muita procura nos primeiros dias do Halloween Horror Nights do Universal Studios Hollywood, no passeio os visitantes passam através de cemitérios horripilantes, perturbadores manicômios e campos de batalhas de gelar os ossos, com Lúcifer e sua noiva, corpos encharcados de sangue e piscinas borbulhantes de água radioativa em um cenário devastado pelo ódio que gera as mais violentas guerras, tudo com base nos temas, letras e imagens de clássicos do Sabbath, como "Luke’s Wall", "Iron Man", "Paranoid", "War Pigs", "Electric Funeral". 

Lembrando que a atração é colorida pelo fato de ser em 3D, todos os visitantes recebem óculos especiais para a completa imersão no mundo de Black Sabbath, chegou a hora de aumentar o som e conferir o percurso completo:

 

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Halloween Horror Nights começa hoje!


Está aberto oficialmente a temporada de Halloween, hoje começa o Halloween Horror Nights nos parques Universal Studios Orlando e Hollywood, o evento é considerado o melhor evento de terror dos Estados Unidos. Vamos mostrar para vocês todas as atrações que prometem arrepiar o Halloween Horror Nights de Orlando, destino preferido dos brasileiros que viajam aos Estados Unidos nessa época do ano:

Zonas de Medo:



Esse ano os visitantes terão que passar por cidades dizimadas, fazendas incendiadas, acampamentos dos sobreviventes, bosques e por barreiras com policiais fortemente armados...tudo inspirado na última temporada de The Walking Dead.

Fazenda de The Walking Dead nas ruas do Universal Studios Orlando, The Walking Dead é o tema principal do Halloween Horror Nights 23!

Confira o vídeo da pre estreia:



Shows:


The Rocky Horror Picture Show: A Tribute: Um tributo ao cult clássico: "The Rocky Horror Picture Show".





Bill & Ted´s Excellent Halloween Adventure: Show de humor que faz paródia com grandes ícones da cultura Pop.



Casas Assombradas:



Evil Dead: "A Morte do Demônio" no Brasil...esse filme foi considerado um dos filmes mais aterrorizantes já produzidos. Agora chegou a hora de experimentar o medo que passou ao assistir o filme na vida real. Você irá percorrer todos os cenários do filme, a única diferença é que dessa vez quando o assoalho ranger você será puxado para baixo!




The Cabin in the Woods: Esse filme foi considerado o melhor filme de terror de 2012, A Cabana do Bosque foi lançado como "O Segredo da Cabana" no Brasil, chegou a hora de você descobrir o segredo da cabana pessoalmente! Será a Haunted House que mais terá sangue de acordo com o diretor do evento! Os seus piores pesadelos ganharão vida nessa recriação fiel aos cenários e aos personagens do filme!




Resident Evil- Escape from Raccoon City: A cidade de Raccon City foi invadida pelas experiências mais terríveis da Umbrella Corporation. A sua única opção é a destruição completa, só que não será fácil pois no meio do caminho terá Hunters, Lickers e vários Nemesis. Em determinados momentos você passará por cenários parados em câmera lenta, será seu momento de respirar antes de mandar tudo de volta para o inferno!



La Llorona: Essa é uma lenda mexicana, ela é conhecida como A Mulher Chorona. Sua história é uma tragédia, ela assassinou os próprios filhos afogando-os nas profundezas de um rio. Agora ela foi condenada a vagar pela Terra por toda a eternidade a procura de pessoas para compartilhar sua dor e sofrimento. Se você ouvir um choro ao seu redor é melhor correr o mais rápido que puder!






Havoc- Derailed: Segure firme a bordo de um comboio de trem militarista que está secretamente transportando os "Cães de Guerra" - uma linhagem de super-soldados geneticamente modificados. Esses maníacos sanguinários estão empenhados em caos e destruição e o trem já está descarrilhado!







After Life Death´s Vengeance: O serial killer Bobby está prestes a  ser executado com uma descarga de  2.000 volts que vai mandá-lo para um reino de terrível sofrimento. Suas vítimas esperaram por toda a eternidade para a grande vingança!




An American Warewolf in London: Um Lobisomem Americano em Londres é um clássico do cinema de terror do começo dos anos 80. Nessa atração você poderá recordar com nostalgia daquela época ao percorrer cenários da década de 80. Cuidado com a lua, pois ela trará a morte essa noite!




The Walking Dead- No Safe Haven:  Essa atração será baseada na terceira temporada de The Walking Dead, nela você irá percorrer o interior de uma prisão abandonada, quer dizer, nem tão abandonada assim.



Comercial:





Mapa:
Clique para ampliar


Para mais informações acesse o site oficial do evento: http://www.halloweenhorrornights.com/